31 de dez de 2011

A flor

A flor, que fotografei hoje pela manhã,  é a primeira do pé de Boa Noite que comecei a cultivar na varanda do meu ap. Feliz com o surgimento dela e inspirado na beleza das suas cores, desejo a  todos que passaram por aqui durante o ano que termina um 2012 muito legal.
Até amanhã,
Eliézer Rodrigues

30 de dez de 2011

Pintinhos (vivos) como presente natalino

Causou o maior rebu nas chamadas redes sociais a ideia de uma agência de publicidade, radicada em Goiânia, enviar para seus clientes, como brinde de final de ano, pintinhos vivos, em caixa . O marketing despertou a ira de muitos que protestaram no twitter, considerando a ação como “agressiva”. O intuito da empresa em dar pintinhos como presente aos seus clientes foi uma “forma de pregar a valorização da vida". Já os que são contra a ideia questionam se foi pesquisado antes pra saber quantos podem  sobreviver. E também rechaçam o gesto de tratar seres vivos como presentes. O certo é que o “brinde natalino” provocou muitos protestos.

2011- Ano negro para Lampião

Lampião: imagem abalada
Para descendentes de Lampião o ano de 2011 não foi nada bom para o culto da imagem, como também para as pretensões financeiras dos herdeiros. O livro Lampião, o mata sete, de Pedro Mortais, sustenta que o cangaceiro era gay; os óculos do rei do cangaço foram roubados e um neto dele perdeu na justiça o direito de receber um milhão de reais pelo uso de fotos do bandido e de sua mulher.
O LIVRO
A publicação afirma que Lampião era homossexual  e que ele namorava com um homem, de nome Luís Pedro, que também se relacionava com Maria Bonita. A família (a filha Expedida e netos)conseguiu na justiça sergipana impedir, em novembro, o lançamento do livro.
OS ÓCULOS
No último dia 11, os óculos do cangaceiros, que faziam parte do acervo da Casa de Cultura de Serra Talhada, no sertão pernambucano, foram roubados. Em nota oficial enviada à imprensa, o presidente do museu, Tarcísio Rodrigues, informou que a peça foi furtada durante a visitação na noite do último domingo (11). A ação do(s) bandido(s) teria sido facilitada já que o local não conta com sistema de vigilância com câmeras ou guarda municipal.
DANOS MORAIS
A 1ª Câmara do Tribunal de Justiça do Ceará, sediada em Juazeiro do Norte, determinou, no último dia 23,que uma instituição financeira, sediada em São Paulo, não deve pagar indenização (1 milhão de reais) por danos morais para o comerciante F.F.S., neto de Virgulino Ferreira da Silva e de Maria Gomes de Oliveira, conhecida como Maria Bonita. Na questão, o comerciante alegava que o banco utilizou a imagem dos avós, sem a permissão da família, em peça publicitária. Na contestação, a empresa financeira sustentou que o direito à própria imagem é personalíssimo, não sendo transmitido, cabendo aos herdeiros concordar ou não com a divulgação da imagens do familiares mortes e não pedir reparação de bens.

29 de dez de 2011

Fotopoesia de Manuel Álvarez Bravo

Falar da fotografia mexicana do século 20 é falar principalmente de Manuel Álvarez Bravo (1902-2002). Com uma obra que se estende por 70 anos, de 1920 a 1990, o artista desfruta de um prestígio raro entre os críticos da área: seu nome é tido como o que melhor captou o espírito de seu país.
 E esse status, que pode até soar como uma frase de efeito assim, à primeira vista, significa muito quando confrontadas a cultura mexicana – calcada nos exageros visuais e no colorido intenso – e as imagens de Bravo – econômicas no traço e tiradas em sua maioria em preto-e-branco.
 Tanto é que, para discorrer sobre o trabalho do ex-marido, Colette Álvarez Urbajtel escreveu no livro Fotopoesia, que o Instituto Moreira Salles acaba de lançar no Brasil: “(Bravo) Odiava o excesso, o pitoresco, o lugar-comum, a afetação, os clichês da beleza”. A publicação acompanha uma retrospectiva, na sede carioca da instituição, com mais de 200 cenas do fotógrafo mexicano.
 Bravo, que cresceu cercado de referências da linguagem – o pai era fotógrafo amador, e o avô, um pintor com muito interesse pela fotografia – é reconhecido ainda por incorporar as correntes estéticas modernas, em especial o surrealismo.
 Chegou a trabalhar no cinema com o diretor espanhol naturalizado mexicano Luis Buñuel e ganhou do escritor e poeta francês André Breton um dos comentários definitivos para alcançar o lugar que ocupa hoje: “Ele mostrou tudo o que é poético no México”.
(Fonte Revista Bravo!)
Serviço:
O Instituto Moreira Salles do Rio de Janeiro está realizando a exposição Manuel Álvarez Bravo: fotopoesia. A mostra traz 250 imagens do mexicano que está entre os grandes nomes da fotografia mundial. São obras de 1920 a 1950, trazidas ao Brasil com o apoio da associação dirigida pela viúva e pela filha do artista.
Ele retratou Frida

DVD do mês

Um sonho de amor, 2009 (Paris)

Milão, Itália. Mais de duas décadas atrás, Emma Recchi (Tilda Swinton) deixou a Rússia para seguir Tancredi (Pippo Delbono), que a pediu em casamento. Com o passar dos anos ela se torna mãe de três filhos, Edoardo (Flavio Parenti), Elisabetta (Alba Rohrwacher) e Gianluca (Mattia Zaccaro), e se acostuma à vida repleta de luxo mas com pouca paixão. Um dia, em meio à uma festa, ela conhece Antonio (Edoardo Gabbriellini), um cozinheiro que vai até a casa dos Recchi para entregar um bolo a Edoardo, a quem tinha acabado de vencer em uma competição. A partir de então Edoardo e Antonio se tornam bons amigos e alimentam o sonho de abrir um restaurante juntos. Emma tem contatos esporádicos com Antonio, a quem admira devido à sua dedicação à culinária. Até que, quando Emma visita a casa de Antonio na cidade de San Siro, eles iniciam um caso.
Vejam o trailer:

27 de dez de 2011

Tirinha do Zé

Segura, peãao!!

A cena mostrada no vídeo lembra aquela de uma corrida de motos, após uma batida e desgovernadas começaram a rodopiar na pista. Desta feita é uma polidora de cimento que começa a girar e os funcionários tem um trabalhão para dominar o equipamento. E ficou engraçado eles tentando dominar a máquina.



26 de dez de 2011

Vídeos que bombaram em 2011

"O pintinho Piu"
O estudante cearense Dheymerson Lima pôs uma câmera na cozinha de sua casa e dublou de forma histriônica uma famosa música infantil. “O pintinho Piu” virou hit, com 8 milhões de acessos; e Dheymerson, um ídolo.
L

Luisa Marilac
Luisa Marilac se tornou a travesti mais famosa do Brasil depois de consagrar bordões como “Se isso é estar na pior...” e “Uns bons drinque (sic)” num vídeo de desaforo para um ex-namorado. As frases foram até para a novela.

Bullying
O australiano Casey Heynes, de 15 anos, sofreu bullying durante toda a infância e, num rompante de coragem, reagiu. Foi tudo filmado. Apesar da violência de seu revide, acabou virando herói e bom
exemplo.


Nyan Cat
Como nasce um hit da internet? A resposta é tão imprecisa que, neste caso, um rapaz desenhou um gato com formato de um biscoito famoso nos EUA, alguém juntou uma música repetitiva e... 53 milhões de acessos.


"Oração"
“Coração não é tão simples quanto pensa.” Se você não ouviu esse verso, provavelmente passou o ano em um casulo. “Oração”, dos curitibanos A Banda Mais Bonita da Cidade, irritou e encantou pela postura hippie.



Pôneis malditos
Na publicidade, 2011 foi o ano dos sarcásticos Pôneis malditos, peça de uma marca de carros. Um veículo atola, e o motorista abre o capô para descobrir que, em vez de cavalos, o motor tinha pôneis com nojinho de lama.


Cristiane Torloni
Nada no festival de música Rock in Rio foi tão comentado quanto a entrevista da atriz Christiane Torloni num camarote do evento. A declaração “Hoje é dia de rock, bebê!” foi reproduzida como piada nas redes sociais.


Fonte: Bombounaweb

25 de dez de 2011

Link da Globo é invadido novamente por membros da Merd TV

A TV Globo ainda não conseguiu se livrar das entradas indevidas de membros do Merd TV em seus links de telejornais. Nesta sexta-feira, 23, integrantes do movimento invadiram o link da repórter Jacqueline Brazil, no SPTV 2ª edição.
 A repórter falava sobre o movimento do terminal rodoviário do Tietê, quando foi surpreendida por dois rapazes. Um deles chegou bem perto da jornalista e gritou o nome do movimento. Constrangida, Jacqueline disse ao apresentador Carlos Tramontina que não poderia continuar porque havia pessoas com “muita falta de educação” no local.
Reprise
Essa não é a primeira ação do Merd TV contra a Rede Globo. Em outubro, o grupo invadiu os links dos repórteres José Roberto Burnier e Monalisa Perrone, os dois faziam, em dias diferentes, uma passagem em frente ao hospital Sírio Libanês, e cobriam o tratamento de Lula contra o câncer.
Na ocasião, um integrante do Merd TV gritou: “Cala a boca, Globo! e chegou a empurrar e a derrubar a repórter. Pela agressão, o membro do movimento foi obrigado a prestar depoimento em uma delegacia e negou a intenção de ferir a jornalista.( Izabela Vasconcelos do Comunique-se)

24 de dez de 2011

Cordel - cenas natalinas

A história do nascimento de Cristo pela ótica do poeta popular

Natal - comerciais antigos

"Não esqueça da minha Caloi", comercial que fez sucesso na década de 70 do século passado como parte da campanha de vendas da bicicleta para o Natal.

Natal no Google

Muito criativo o doodle ( desenho de abertura da página principal) especial do Google, desejando aos internautas boas festas.A brincadeira começa com você clicando nos botões animados, após tocar as 6 notas, o doodle ganha vida e começa uma bonita canção de Natal.

23 de dez de 2011

A foto do ano

Um concurso do Unicef( Fundo das Nações Unidas para a Infância) escolheu como Foto do Ano a imagem de um garoto recolhendo materiais de valor em um lixão tóxico de Gana (oeste da África). O país é um destino frequente de dejetos exportados pela Europa, e crianças locais tentam tirar daí seu sustento, sob o risco de contaminação. (Terra)

CINE SINGULAR - O curta do dia (Natal)

A Lente e a Janela
Sinopse
Uma menina ganha uma câmera de vídeo no Natal e sua percepção muda através da lente e da janela.
Gênero Ficção
 Diretor Marcius Barbieri
 Elenco Adeilton Lima, André Amaro, André Luis, Jessyca Ludimila, Marta Carvalho, Nívea Helen, Walber Vinícius Chagas e Walérya Christina Chagas
 Ano 2005
Local de Produção DF
Ficha Técnica
 Produção William Allves Fotografia André Carvalheira Roteiro Marcius Barbieri Direção de Arte Dani Estrella Trilha original Luis Orione (Lula) Som Rodrigo Cobra Cenografia Dani Estrella Figurino Dani Estrella Montagem Marcius Barbieri e Zé Eduardo Belmonte   
 Festival
Festival de Brasília 2005

Natal - Comerciais antigos

"O Natal de Omo é Agora"  do sabão em pó Omo, veiculado em 1976.Interessante ver itens antigos como vitrolas e mini-calculadoras. (You Tube)

Cenas natalinas


Bumbum planetário

No recente concurso promovido pela revista Sexy  para a escolha da Miss Bumbum, a publicação fez ensaios fotográficos com aqueles corpos que tivessem os atributos  "mais perfeitos".  Só que a Sexy abusou do uso do photoshop. Em vez de embelezar ainda mais os bumbuns, a cirurgia gráfica deformou a beleza original das jovens. A revista estará nas bancas a partir da próxima segunda-feira.
Vejam o bumbum desta jovem que depois de manipulado ficou mais parecido com uma cúpula de planetário. E observem também outra maldade que fizeram contra ela: "amputaram" pedaço da coxa esquerda.
a

22 de dez de 2011

Natal - Comerciais antigos

O comercial que estou postando hoje sobre o Natal é um dos mais significativos do ciclo natalino na televisão brasileira: o do Banco Nacional (já extinto), instituição financeira de Minas Gerais de propriedade do político e banqueiro Magalhães Pinto. O filme é um comercial criado pela MPM em 1987, como tantos outros comerciais de fim de ano do anunciante, pautado num belo tema musical, ainda hoje de elevado “recall”, uma harmoniosa canção de boas festas que o compositor Edison Borges de Aguiar (Passarinho) compôs com a ajuda de Lula Vieira nos idos de 1971. Sem dúvida uma das mais belas trilhas nataliicanas da propaganda brasileira em todos os tempos, conforme você poderá conferir. Lula era Diretor de Criação da agência JMM e já conhecia Passarinho (parceiro de Dolores Duran e Alfredo Borba) do estúdio de criação Vip, então propôs ao compositor criar um tema natalino para o Banco. Passarinho tinha uma música pronta que seria gravada pelos “Titulares do Ritmo”, num Lp programado para o final do ano. Lula apreciou a melodia e sugeriu a sua adaptação comercial, alguns retoques e nascia o jingle, logo em seguida trilha de um comercial gravado pela PPP, com Direção de Chico Abreia.
O filme original tinha um coral de crianças improvisado e trilha dirigida pelo maestro Zacarias, mais tarde celebrizado como comediante do programa “Os Trapalhões”. Obteve logo o reconhecimento do mercado publicitário no Prêmio Colunistas de 1972 e a aceitação do público, de modo que o Banco Nacional reeditaria o tema inúmeras vezes em comerciais que os brasileiros aguardavam com expectativa todo final de ano. O filme original de 1971 (que contou na criação também com a participação de Paulo César Costa e Emílio Cerri Neto) a gente fica devendo, por enquanto; o da MPM, o que marcou mais, com o roteiro da criança de bicicleta apressada que chega em tempo de fazer o solo final no coral da igreja.
Fonte: texto de Nelson Varón Cadena - do site Almanaque da Comunicação

O Natal do gatinho desastrado

Ele faz de um tudo para chamar a atenção do seu dono...

Saudade do JB


Recebi,hoje, via e-mail, uma mensagem de Boas Festas da equipe do Jornal do Brasil, um dos jornais de grande tradição. Hoje em dia é uma reles caricatura, via on line,daquele que foi uma da maiores expressões na história do jornalismo brasileiro. Minha leitura preferida do JB acontecia aos domingos, quando fazia fila na banca do Bodinho, na praça do Ferreira, para comprar exemplares do matutino carioca. E pra mim foi uma escola: as crônicas políticas, bem escritas e corajosas do Carlos Castelo Branco; o 2º  Caderno que era um primor em termos de programação visual, o caderno de esportes...enfim, o JB marcou gerações  de brasileiras.
Agradeço à equipe do JB virtual que me enviou o e-mail  atencioso,  mas me fez saltar saudades do antigo jornal de papel que desapareceu da imprensa brasileira.

21 de dez de 2011

Comercial antigo

Por coincidência ou não, no  ano de 1986 em que a Mesbla inovou na comunicação, veiculando campanha natalina na televisão,  era decretada a falência da empresa com dívida de mais de um bilhão de reais. O público acostumado aos comerciais de fim de ano com ofertas e o simbolismo do Papai Noel sempre presente, surpreendeu-se com filmes que mostravam pessoas comuns relatando espontaneamente as suas expectativas  em relação ao Natal, respondendo perguntas feitas nos bastidores pelo repórter Tim Lopes (que seria brutalmente assassinado por traficantes do Rio de Janeiro em 2002). A ideia original da campanha foi do Paulo Novis da Provarejo, house-agency do  magazine, que imaginou entrevistas na rua; ideia aperfeiçoada pela Aba Filmes com Direção de Andres Bukowinski que montou um estúdio volante, num caminhão, e uma equipe de três produtores para identificar populares com expressão interessante,tipificados pela vestimenta.
Ao todo foram gravados 150 depoimentos, a maioria aproveitados em 6 filmes de um minuto cada. Não foi usado nenhum figurino (algo inusitado em se tratando de um magazine de roupas) ou maquiagem e a luz do estúdio volante era controlada através de cortinas improvissadas nas janelas do veiculo, este também com isolamento acústico. Campanha de iniciativa do Departamento de Propaganda do cliente, a Provarejo, criação de Delano Davila, Fred Coutinho e Russo, premiada com o Grand-Prix do Prêmio Profissionmais do Ano da Rede Globo e ainda no Festival Brasileiro de Propaganda da ABP. Na época teve grande repercussão e agregou valor humano à marca. Infelizmente a comunicação da empresa carecia de um rumo estratégico e entre altos e baixos foi definhando e hoje transcorrida quase uma década do fim das atividades o seu “recall” não é nada digno de se mencionar.
Fonte: Nelson Varón Cadena  (almanaquedacomunicacao.com.br/blog)

Gol espetacular...contra

20 de dez de 2011

Natal - Publicidade antiga

Uma raridade: Pelé e Xuxa
Xuxa e Pelé em comercial de natal. Em meados dos anos 80 Pelé apresentava ao Brasil a sua namorada, a gaúcha Maria da Graça Meneghel-Xuxa, apresentadora do Clube da Criança da TV Manchete; fotos do jogador e da modelo, então a segunda mais bem paga do país, foram estampadas em capas da revista semanal Manchete, editora Bloch em duas edições diferentes. A notoriedade do casal chamou a atenção de um anunciante do Rio de Janeiro, a imobiliária Francisco Xavier Imóveis, ainda hoje existente que contratou a dupla para gravar um comercial natalino. O filme do ponto de vista criativo não tem nenhum valor, além de ser mal dirigido. E o roteiro incomoda as mulheres pelo machismo implícito na idéia da mulher-objeto que o jogador encontra embalada numa caixa de presente. Chama à atenção, por outro lado, a concordância da modelo em se vestir de noiva, ela que na época fazia questão de dizer que casamento era algo que não estava nos seus planos. O valor do comercial hoje aqui postado está apenas nos personagens. Uma raridade que o pesquisador José Marques Neto do Rio de Janeiro achou entre as milhares de horas de gravação de programas de TV que possui na sua residência e disponibilizou no YouTube há três meses. Na época o comercial foi exibido apenas no Rio de Janeiro.
(Fonte: almanaquedacomunicação)

Publicidade antiga - Xuxa e o Natal

O anúncio da Varig com a sua estrela de Natal - a Estrela Brasileira e Estrela das América , uma estratégia para divulgar as rotas internacionais da companhia, teve também a participação de Xuxa, em seus tempos áureos.
Vejam uma raro filme da ex-rainha dos baixinhos, dentro de uma igreja nos anos 80 do século passado:

Natal- Publicidade antiga

Padres pedófilos são condenados

Os três padres pedófilos de Arapiraca
A Justiça de Alagoas condenou nesta segunda (19) três padres por prática de pedofilia. Tratam-se de Luiz Marques Barbosa, Raimundo Gomes e Edílson Duarte, que são acusados de abusos contra três coroinhas. O monsenhor Luiz Marques, de 83 anos, foi condenado a 21 anos de prisão e os párocos Raimundo e Edílson cumprirão pena de 16 anos e 4 meses. Os três respondiam processo em liberdade e ainda não foram presos. Seus advogados têm cinco dias para recorrer da decisão junto ao Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL). Segundo o Ministério Público e a Polícia Civil, os religiosos prometiam dinheiro às vítimas em troca de sexo. Informações do site Tudo na Hora.
Confiram parte da CPA da pedofilia em Alagoas:

19 de dez de 2011

Deu no Kibeloco: Capa da “Veja” em 29 de junho de 2011…

É a mídia fabricando seus "monstros sagrados"

DICA - O clássico dos clássicos


O filme Cidadão Kane (1941), dirigido por Orson Welles, ganhou apenas um Oscar, de Melhor Roteiro Original. Mas é considerado pelos críticos de várias gerações como um dos grandes clássicos do cinema. Há pelo menos três razões para a glória: a trama, que mostra criticamente a ascensão do inescrupuloso barão de imprensa Charles Foster Kane (interpretado por Welles); a forma de contar a história, baseada na linguagem fragmentada dos noticiários de jornal e rádio dos anos 1930; e a fotografia em P&B, deslumbrante nas nuances e ângulos inesperados. A edição de 70 anos do filme traz a versão restaurada em Blu-ray, sequências inéditas, entrevistas e livreto ilustrado com storyboard e fotos de cena. Warner, R$69,90.

(Fonte: revista Vej)
a

Corretivo facial

 Este viral foi enviado pela minha filha Bárbara e que apresenta uma campanha publicitária de uma marca de corretivo, maquiagem muito usada pelas mulheres e que tem  como função principal esconder manchas, olheiras, acnes, etc...ela gostou e eu também...

Confiram:
Tirinha do Zé

18 de dez de 2011

Vencedores do Curta Criativo 2011 - Ficção

 Conheça agora os 03 vencedores na categoria ficção do embate de curtas-metragens da FIRJAN! Os vencedores de todas as categorias estão aguardando o seu voto! Olha a responsabilidade, o mais bem cotado leva o Prêmio Aquisição Porta Curtas!
TÁ NA HORA
  
Ficção | De Carol Bradilli, Evandro Manchini  | 2011 | 5 min
O filme retrata as particularidades de uma família em frente a um a webcam e como esse novo elemento se acopla a vida cotidiana das mais diversas gerações.

A Bagunça Eterna 

Chegou a hora de Pedro arrumar seu quarto depois de alguns anos de bagunça acumulada. Ele começa a guardar suas coisas em caixas, porém a bagunça parece nunca (...)
Ficção | De Clarissa Appelt  | 2011 | 5 min
Com Ana Paula Novelino, Higor Castro

15
 
Ficção | De Felipe Bond  | 2011 | 5 min
Com Ivan Mendes, Luiza Pinheiro
 Tem momentos em que a vida nos dá possibilidades genuínas para acontecerem grandes encontros. Cabe a nós decidir o que fazer com eles.Torná-los reais ou apenas (...)

  


17 de dez de 2011

CINE SINGULAR - O curta do dia

Miau!
Sinopse
 Uma menina de 10 anos, ao voltar para casa, se depara com um gato que aparentemente sabe falar. Ela então passa por várias situações cômicas na tentativa de fazer o gato falar novamente. Gênero: Animação. Diretor Felipe Almeida. Ano 2011. Local de Produção RJ.Prêmio 2º Lugar na Categoria Animação no Curta Criativo 2011 

Bombou na web nesta semana

A batalha da fofura
A luta de tae kwon do mais intensa da história é o título de um dos vídeos mais cativantes da semana. Trata-se de duas crianças bem pequeninas que, ao que parece, fizeram apenas algumas aulas da arte marcial. Os chutes de costas dos dois atletinhas são o ponto alto.



Urso educado
É educado acenar de volta quando alguém acena para você, certo? Parece que até um urso entende isso. Um casal de turistas avista um urso na beira da estrada e dá tchau. Ele repete o cumprimento e torna-se o Urso educado, no YouTube.


Quebra-Nozes com cristal
Tocar canções do balé O quebra-nozes, de Tchaikóvski, já é difícil para uma orquestra. Uma dupla resolveu inovar e interpretou a obra usando taças de cristal, que produzem som quando alisadas com dedos umedecidos. O resultado é incrível. Teve mais de 200 mil acessos.



Jeitinho barbeiro
Um motorista insistente – e imprudente, diga-se – colocou na cabeça que seu carro caberia numa vaga mínima. Ele faz dezenas de movimentos de manobra para encaixar o carro ali – e em todas as vezes esbarra no veículo estacionado atrás. Houve 3 milhões de acessos.


Presentes ruins
O programa de TV do humorista americano Jimmy Kimmel sugeriu que mães fingissem dar presentes ruins a seus filhos e filmassem sua reação. O resultado é hilário e quase unânime: crianças odeiam receber garrafas vazias, sanduíches mordidos e afins.

 

Pula-pula extremo
Um grupo de jovens especializados em um brinquedo chamado Pogo – um pula-pula moderno – fez imagens radicais usando uma microcâmera acoplada ao aparelho. O vídeo, que teve 200 mil acessos, dá a oportunidade de conhecer mais um esporte estranho via internet.


Fonte: revista Época

16 de dez de 2011

Natal - Comerciais antigos


Segundo o blog http://www.almanaquedacomunicacao.com.br/blog, a publicidade é de 1978, e o maestro Rogério Duprat cumprindo o roteiro traçado por Washington Olivetto e Francesc Petit da DPZ, resolveu com maestria a adequação do som do teclado da máquina de escrever Olivetti, modelo Littera 35, à musica “Noite Feliz”, ícone fonográfico do natal em todo o mundo, lendária criação dos austríacos Joseph Mohr e Franz Gruber , estrelada em 25 de dezembro de 1818. Ainda conforme o blog, o filme chama a atenção pela simplicidade e consegue de fato expressar o clima de festas de fim de ano. Na época obteve uma medalha de prata no Anuário do Clube de Criação de São Paulo.
 Mesmo fora do tom, ela tomou conta do espetáculo...

15 de dez de 2011

Ana Maria Braga escondendo a salsicha

CINE SINGULAR - O curta do dia

Amor!
Sinopse
 Um divertido mas amargo panorama das muitas e diferentes visões que se pode ter deste sentimento que ocupa corações e mentes.
Gênero: Ficção
 Diretor: José Roberto Torero
 Elenco: Elias Andreato, Guilherme Karam, Paulo Cesar Pereio, Paulo José e Rosi Campos 
 Ano 1994
 Local de Produção: SP
 Ficha Técnica
Produção Zita Carvalhosa Fotografia José Roberto e Eliezer Roteiro José Roberto Torero Edição Paulo Sacramento Direção de Arte Luis Fernando Pereira Trilha original Caco Faria, Lelo Nazário Empresa produtora Cinematográfica Superfilmes Direção de produção Maria Ionescu 
 Prêmios
 Melhor Filme - Júri Popular no Festival de Brasília 1994
Melhor Montagem no Festival de Brasília 1994
Melhor Roteiro no Festival de Brasília 1994
Melhor Diretor no Festival de Gramado 1994
Melhor Filme - Crítica no Festival de Gramado 1994
Melhor Filme - Júri Popular no Festival de Gramado 1994
Melhor Montagem no Festival de Gramado 1994
Melhor Roteiro no Festival de Gramado 1994
Melhor Filme no Festival do Rio BR 1994 

Guerra é guerra

Um grupo de comandos Canon é enviado em uma missão. Seu objetivo: salvar uma garota inocente que foi tomado como refém por terroristas Nikon. Quem acabará por ganhar esta batalha? (You Tube)


As melhores fotos do ano

Sempre gostei de fotos feitas no contraluz, pelo efeito do claro/escuro, nas cores e nas nuances resultantes. O concurso  Travel Photographer of the Year 2011 anunciou nesta semana os vencedores do concurso, entre fotógrafos de quase 90 países. Os trabalhos premiados serão objeto de uma exposição na Royal Geographic Society, em Londres, entre junho e agosto de 2012. As imagens escolhidas também podem ser vistas no site do concurso www.tpoty.com.
A minha preferida é esta:

Natal - nas asas da Varig

Em épocas natalinas de antigamente o jingle da Varig marcou várias gerações.  Hoje só lembranças dos versos do comercial da empresa de aviação que foi à falência. Mas, que não deve se lembrar com  saudade boa daqueles tempo é um grupo de ex-funcionários da finada que ainda pena na justiça, tentando receber o fundo de pensão.

14 de dez de 2011

Alguém "chupou" de alguém

As duas logomarcas são muito semelhantes...e a inspiração também
As logomarcas do governo do Estado do Espírito e de um site cultural (Creative City Berlin), em Berlim, na Alemanha, são parecidíssimas. Quase iguais. Alguém "chupou" a ideia do outro. Só que o site alemão é mais antigo. Daí, a confusão brasileira.  Segundo o blogdamariazinha.wordpress.com, a logomarca do estado brasileiro foi "criada" pela agência Casa Amarela que presta serviço para o governo daquele estado. E o blog faz cobrança: "Tanto a Casa Amarela quanto o governo do ES tem que vir a público dar informações e explicações detalhadas sobre o caso. Temos que ser informados, inclusive, se e quanto o governo pagou pela logomarca e tudo mais, processo de criação, desenhos iniciais da logomarca, acessos aos sites de internet por parte da Casa Amarelo, para ver se eles passaram pelo site da cidade de Berlim e mais, muito mais. Menos do que isso é inaceitável".

No mundo do sexo

A companhia aérea irlandesa Ryanair lançou um calendário sensual com fotos de 13 de suas funcionárias de lingerie, para arrecadar fundos para uma entidade  de caridade no Reino Unido. O calendário será vendido durante os voos da companhia.


Durante sua participação na gravação de um clipe de Snoop Dog, no Brasil, a funkeira Mulher Maçã posou só de calcinhas e top ao lado do rapper americano e postou a foto no twitter. "Ele não parava de apertar o meu bumbum", comentou ela sobre o encontro.






O autorDarwin Porter biógrafo de Frank Sinatra (1915/1998) disse em entrevista ao jornal Daily Mail que o cantor americano teria atuado em um filme pornô aos 19 anos de idade e recebido 100 dólares pelo trabalho. Para manter o filme longe do conhecimento do público quando se tornou famoso, Sinatra teria buscado a ajuda da Máfia, segundo Porter.




A atriz Scarlett Johansson afirmou que as fotos dela nua que vazaram na internet, em setembro, foram feitas por ela mesma há dois anos para ser enviadas ao ator Ryan Reynolds , seu marido há época. "Não há nada de errado nisso. Eu não fiz um pornô", disse em entrevista à revista americana Vanity Fair .Embora também não haja nenhum problema com os pornôs",completou.
(Fonte: revista Playboy)

13 de dez de 2011

A beleza em 1 segundo

O relojoeiro francês Nicolas Rieussec, , a quem se atribui a invenção há 190 anos do cronógrafo, capaz de, já naquele tempo, medir um quinto de um segundo, está sendo homenageado por  Montblanc (que produz artigos de luxo que vão de canetas a relógios) e Leo Burnett Milan.A  curadoria de Wim Wenders  pede aos usuários para demonstrar a beleza em um segundo de filme, com desafio para profissionais ou amadores da imagem em movimento, em apenas um segundo, a  beleza. O vencedor ganhará um caríssimo relógio cronógrafo Montblanc modelo Nicolas Rieussec, recém-lançado, que custa 57 mil dólares.
Vejam o vídeo-compilação de vários “1 segundos” enviados por concorrentes de diversos países:

Imagens da intimidade de políticos brasileiros

O Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea, pertencente à Fundação Getúlio Vargas, está realizando, no Rio de Janeiro, uma exposição que reúne fotos que mostram a intimidade de personalidades da  política brasileira, em momentos da história de cada um. Por exemplo, aquela que mostra o general Ernesto Geisel, quando presidente da República, tomando banho no mar de Honolulu, no Havaí. Uma outra: Tancredo Neves, com menos de 10 anos de idade, fantasiado no Carnaval de São João del Rei. São imagens de 33 políticos em cenas prosaicas, distantes dos gabinetes e livres das agendas oficiais.
Vejam algumas:

Getúlio Vargas (à esquerda) abraça seu pai, Manuel do Nascimento Vargas. À direita, seu irmão Viriato Vargas (1935)

Ernesto Geisel toma banho de mar no Havaí (13-14/9/1976)
Familiares de Quintino Bocaiúva, em visita a seu túmulo. Rio de Janeiro (11/6/1913)
 
Ruth Marinho e Ulysses Guimarães. Angra dos Reis (RJ), (1980/1988)

João Goulart e o chimarrão. Rio Grande do Sul (4/1963)



 

12 de dez de 2011

O recado do Calé

Meu amigo Calé Alencar comunica que nesta terça, 13 de dezembro, 15 horas, na Universitária FM, 107.9 MHz, ele estará  mostrando a obra de Luiz Gonzaga em belas interpretações de Sonar, Marisa Monte, Carmen Miranda, Miho Hatori & Forró in the Dark, Raimundo Fagner, Gal Costa, Milton Nascimento, Zeca Baleiro, Quinteto da Paraíba e Djavan. É a estreia do programa A Hora do Rei, trazendo a música do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, e seus intérpretes pelo Brasil e pelo mundo.
Fica a dica:  sintonizar a Universitária FM e prestigiar o programa do Calé Alencar.

No início da carreira, Luiz Gonzaga e seu parceiro Humberto Teixeira






CINE SINGULAR - O curta do dia

A Casa
Sinopse
 Ao som da famosa canção de Vinícius, um mímico se diverte construindo uma casa que só é visível para quem acredita na história.
Gênero: Animação
 Diretor: Andrés Lieban
 Local de Produção: RJ
 Ficha Técnica
Produção Fernando Faro Roteiro Andrés Lieban Animação Andrés Lieban Empresa(s) produtora(s) Laboratório de Desenhos, Editora Delta Produção Executiva André Koogan Breitman Finalização Proview Produções Música Sincronizada Vinícius de Moraes Interpretação musical Boca Livre   
 Prêmios
Melhor Trilha Sonora no Anima Mundi 2004
Premier Internacional no Film Festival of the World 2004   
 Festivais
Festival Internacional de Cinema Infantil 2004
Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis 2005

Natal dos Bigodeanos

Recebi do confrade Ricardo Machado, da Confraria Bigodeana, o aviso para a festa de confraternização, lá no Largo do Bigode, na Cidade 2.000.
O convite:
"Caras confreiras, distintos confrades e estimados (a) simpatizantes,
Será na quarta próxima, dia 14, às 19 horas, a tradicionalíssima confraternização de fim de ano da Confraria Bigodeana. Tirante o próprio Papai Noel, o nosso internacionalmente consagrado Roberto Carlos Arruda Cover comandará a noite de sublime e fraterno congraçamento.
Em tempo: não esqueça de levar um pratinho qualquer para compartilhar o pão com os demais".
A foto feita no ano passado, no Largo do Bigode, aparecendo uma pomba posando no braço do nosso "Roberto Carlos", o registro, por sinal,  é um feliz flagrante jornalístico, realizado pelo Ricardo Machado, autor da imagem:

Novo filme do Homem-Aranha

Vejam primeiro trailer legendado de O Espetacular Homem-Aranha. O filme é estrelado por Andrew Garfield, Emma Stone, Rhys Ifans, Denis Leary, Martin Sheen e Sally Field, com direção de Marc Webb. Longa-metragem estreia em 3 de julho de 2012. (You Tube)

11 de dez de 2011

Luana Piovani nua na Trip

A revista Trip divulgou a capa de sua edição com o novo ensaio nu de Luana Piovani, 35 anos, que chega às bancas no dia 16 de dezembro. A atriz fotografou para a revista quando já estava grávida de seu primeiro filho com o surfista Pedro Scooby.
Em novembro, Luana estava nas páginas de entrevista da publicação e explicava o motivo de não posar sem roupa para outras revistas masculinas.
"Queria fazer um ensaio sem ficar posando de quatro, sem ficar botando dedinho na boca, fazendo cara de ‘vem me pegar’. Quero fazer um trabalho mais conectado à arte, mais atrelado à atitude, com a gargalhada, com o não fazer cara de nada", argumentou.
Este é o quarto ensaio de Luana para a Trip. A loira posou pela primeira vez para a revista em 1997, quando tinha 20 anos.

DVD - Lançamento

O Cangaceiro


Adoniran Barbosa teve participação especial, fazendo papel de um bandido
Grande sucesso da Companhia Vera Cruz, o filme O Cangaceiro, dirigido por Lima Barreto (1953) inaugurou o gênero "filme de cangaço", e ficou sendo o melhor exemplar da categoria e um clássico do cinema brasileiro. O filme conta a história do bando liderado pelo cruel Galdino (Milton Ribeiro), que, depois de invadir e saquear vilarejos, sequestra uma professora  (Marisa Prado). Quando um dos cangaceiros (Alberto Ruschel) se apaixona e foge com ela, tem início um perseguição pela caatinga (na verdade uma fazenda no interior paulista). O impecável artesanato da Vera Cruz inclui a fotografia do inglês Chick Fowle, diálogos de Rachel de Queiroz, desenho e produção de Caribé e trilha sonora de Gabriel Migliori (com destaque para o clássico Mulher Rendeira) . Há também uma curiosa participação de Adoniran Barbosa como um fora da lei. Esta versão restaurada inclui um DVD extra com um ótimo documentário sobre o diretor. Premiado no Festival de Cannes (melhor filme de aventura) O Cangaceiro foi descrito pelo  crítico americano Pauline Kael como "algo como um bom western americano dirigido por um sádico".(revista Veja)

Bombou na web nesta semana

Nadal dança Teló
O sertanejo universitário do brasileiro Michel Teló tornou-se inevitável. Até Rafael Nadal, um dos maiores tenistas do mundo, entrou na dança com o sucesso “Ai, se eu te pego”. Foi na comemoração pela vitória da Espanha na Copa Davis, numa casa de shows.

Violoncelista nerd
 Para o famoso violoncelista Steven Sharp Nelson, não basta ser nerd. Ele resolveu fazer uma homenagem ao filme Guerra nas estrelas interpretando a “Marcha imperial”, tema do vilão Darth Vader – e a caráter. No lugar dos arcos, usou sabres de luz.

Taekwondo com dedos
É possível simular movimentos de tae kwon do, arte marcial baseada em golpes com as pernas, usando os dedos das mãos? Um coreano mostrou que sim. Num programa da TV local, ele vestiu sua mão com quimono e ensaiou os movimentos da luta.

Golfinho mecânico
O piloto de jet ski francês Frank Zapata provocou inveja nos internautas ao demonstrar suas habilidades em uma engenhoca de jatos d’água que o fez saltar como um golfinho e flutuar sobre o mar. A máquina, chamada flyboard, ainda está em fase de testes.

Na creche com Ramones
Um professor ocidental da creche da Sullivan School, na Coreia, fez um coral pouco usual com seus aluninhos. Plugou uma guitarra no amplificador com distorção e interpretou, com eles, o sucesso “Judy is a punk”, da banda punk americana Ramones.
Fonte: revista Época

9 de dez de 2011

CINE SINGULAR - O curta do dia

Rua da Escadinha 162   
Sinopse
Documentário sobre o Museu Christiano Câmara, que contém mais de 20 mil peças em sua coleção, incluindo discos de vinil, fotografias, revistas e enciclopédias. Christano, que começou como um simples colecionador, é hoje uma das mais importantes referências culturais em todo o país.
Gênero: Documentário
 Diretor: Márcio Câmara
 Ano: 2003
 Local de Produção: CE
 Ficha Técnica
 Produção Franklin Junior Co-produção Companhia de Imagem, Labocine e Reluz Produções Fotografia Roberto Iuri Roteiro Márcio Câmara Edição Francisco Sérgio Moreira e Claudio Fernandes Som Direto Lênio Oliveira Empresa produtora Euphemia Produções Edição de som Fernando Ariani Direção de produção Franklin Jr. Computação grafica Daniel Leite, IO Comunicação Produção Executiva Márcio Câmara, Secretaria da Cultura do Estado do Ceara, Instituto Dragão do Mar Apoio Link Digital, Casa Amarela Euselio Oliveira, Associação Cearense de Cinema e Vídeo, Vídeo Fundição, Autarquia Municipal de Trânsito, Fuji Filmes Categoria Premiére Mixagem Fernando Fonseca, Rob Filmes Patrocínio Mercadinho São Luiz,e  Restaurante Boca de Forno, Briba Design e Intergraf   
 Prêmios
 Melhor Direção em Documentário no Cine PE 2003
Melhor Documentário no Cine PE 2003
Melhor Montagem em Documentário no Cine PE 2003
Melhor Roteiro em Documentário no Cine PE 2003
Melhor Documentário no FAM - Florianópolis 2003
Melhor Curta - Júri Popular no Festival do Rio BR 2003
Prêmio Casablanca no Festival do Rio BR 2003
Prêmio Cinemark no Festival do Rio BR 2003
Prêmio aquisição Canal Brasil no Festival Internacional de Curtas de São Paulo 2003
Prêmio Kinoforum no Festival Internacional de Curtas de São Paulo 2003
Prêmio Unibanco de Cinema no Festival Internacional de Curtas de São Paulo 2003
Melhor Filme no Festival Luso-brasileiro de Curtas de Sergipe 2003
Melhor Som Direto no Catarina Festival de Documentário 2003
Melhor Montagem no Cine Ceará 2003
Melhor Diretor Estreante em 35mm no Festival de Curtas de Belo Horizonte 2003
Melhor Filme - Júri Oficial no Festival de Curtas de Belo Horizonte 2003
Melhor Filme - Júri Popular no Festival de Curtas de Belo Horizonte 2003
Prêmio Melhor Filme da ABD/MA no Festival Guarnicê do Maranhão 2003
Melhor Documentário no Jornada de Cinema da Bahia 2003   
  Festivais
 Araribóia Cine 2003
É Tudo Verdade - Festival Internacional de Documentários 2003
Festival de Gramado 2003
Festival do Filme Documentário e Etnográfico de Belo Horizonte 2003
Festival Internacional del Nuevo Cine Latinoamericano 2003
Goiânia Mostra Curtas 2003
Mostra de Cinema de Tiradentes 2004
Curta Santos 2003
Fenart - Festival Nacional de Artes da Paraíba 2003
Festival Amazonas Filmes 2003
Mostra Curta Cinema 2003
Mostra Internacional do Filme Etnográfico/RJ 2003
Passando o tempo com o homem que nada como golfinho...mais uma invenção típica do professor Pardal...

8 de dez de 2011

Boni confessa crime da Globo contra Lula em 1989

Além da manipulação na edição do Jornal Nacional da Rede Globo, nas eleições para Presidente da República de 1989, a favor do candidato Collor de Melo contra Lula (considerado um dos maiores golpes contra a democracia), recentemente surgiu um outro fato que mancha ainda mais o comportamento ético da Rede Globo. No programa Dossiê da Globo News (26/11/2011)O ex-todo-poderoso da Globo, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, confessou que cúpula da emissora trabalhou, favorecendo  Collor, no último debate da eleição presidencial de 1989.
Confiram a entrevista do Boni:

Agora, para refrescar a memória, vejam  a edição manipulada do Jornal Nacional dia seguinte do debate entre os dois candidatos.
Detalhe, em cima da bancada de Collor estão pastas, presumivelmente contendo denúncias contra Lula. Não tinha nada, era só para assustar o petista.



Devido à enorme repercussão, tempos depois, os próprios jornalistas da Globo e responsáveis pelo telejornalismo da emissora envolvidos no caso, deram depoimentos sobre o edição no Jornal Nacional do debate que decidiu a eleição presidencial:

A charge do Zé Dassilva está sensacional:

"Esse mundo de merda está grávido de outro"

Assim de repente, passeando pela praça Cataluña em Barcelona, em maio deste ano, o escritor e jornalista uruguaio Eduardo Galeano, autor de mais de 40 livros, entre eles a grande obra As veias abertas da América Latina, ficou impressionado com o movimento de ocupação e protestos protagonizados por jovens espanhóis. E foi abordado pelos organizadores do movimento e fez uma síntese do atual momento de transformação do mundo.
Sábias palavras.
Confiram o vídeo:

7 de dez de 2011

Toque de magia

 Passando o tempo com Mickey Mouse e seus amigos, visitando Nova York para criar uma experiência memorável no mundo fantástico de Walt Disney:

Criando modelitos
 na hora do aperto
A sua namorada ou mulher pode sair do aperto, numa ocasião inesperada na qual ela não tenha roupa pra sair, ir ao cinema, por exemplo. A solução: empreste-lhe uma de suas melhores camisas e ela ficará eleganterríma.
Confiram como criar modelitos: 

O pastor e suas ovelhas
A agência de notícia Reuters publicou as melhores fotos do ano. A minha eleita é esta: um pastor  observa suas ovelhas na região do pico de Transalpina, a estrada mais alta do país, que atravessa as montanhas na Romênia, em 31 de julho.

6 de dez de 2011

CINE SINGULAR - O curta do dia
     O Espantalho

Sinopse
As lembranças de uma senhora se misturam com as descobertas de uma menina apaixonada por um espantalho. Uma curiosidade sobre Espantalho, é que ele virou um vídeo-clipe. O curta foi reeditado pelo diretor, acompanhando a música "Não me deixe só", de Vanessa da Mata.

Gênero Animação

Diretor Alê Abreu

Ano 1998

Local de Produção: SP

 Ficha Técnica

Produção Alê Abreu Fotografia Priscila Prade Roteiro Alê Abreu Som Direto Luiz Adelmo Direção de Arte Alê Abreu Animação Alê Abreu Trilha original Marcos Romera Montagem Nathalia Rabkzuc Direção Musical Ricardo Ivanov Agradecimento Especial Marcus Duchen, Faoza Monteiro e Gilberto Caserta Intervalação Daniel Pudles   

 Prêmios

Melhor Filme Nacional - RJ no Anima Mundi 1998

Melhor Filme Nacional - SP no Anima Mundi 1998

Melhor Direção de Arte no Brazilian Film Festival of Miami 1999

Menção Honrosa pela Técnica de Animação no Festival de Cinema de Cuiabá 1998

Prêmio aquisição Canal Brasil no Festival Internacional de Curtas de São Paulo 1998

Prêmio do Júri Popular no Festival Internacional de Curtas de São Paulo 1998

Melhor Filme - Júri Popular no Mostra do Audiovisual Paulista 1999

Melhor Animação no Festival de Cinema do Recife 1998
Melhor Animação - Júri Popular no Festival de Cinema do Recife 1998