24 de dez de 2011

Cordel - cenas natalinas

A história do nascimento de Cristo pela ótica do poeta popular

Natal - comerciais antigos

"Não esqueça da minha Caloi", comercial que fez sucesso na década de 70 do século passado como parte da campanha de vendas da bicicleta para o Natal.

Natal no Google

Muito criativo o doodle ( desenho de abertura da página principal) especial do Google, desejando aos internautas boas festas.A brincadeira começa com você clicando nos botões animados, após tocar as 6 notas, o doodle ganha vida e começa uma bonita canção de Natal.

23 de dez de 2011

A foto do ano

Um concurso do Unicef( Fundo das Nações Unidas para a Infância) escolheu como Foto do Ano a imagem de um garoto recolhendo materiais de valor em um lixão tóxico de Gana (oeste da África). O país é um destino frequente de dejetos exportados pela Europa, e crianças locais tentam tirar daí seu sustento, sob o risco de contaminação. (Terra)

CINE SINGULAR - O curta do dia (Natal)

A Lente e a Janela
Sinopse
Uma menina ganha uma câmera de vídeo no Natal e sua percepção muda através da lente e da janela.
Gênero Ficção
 Diretor Marcius Barbieri
 Elenco Adeilton Lima, André Amaro, André Luis, Jessyca Ludimila, Marta Carvalho, Nívea Helen, Walber Vinícius Chagas e Walérya Christina Chagas
 Ano 2005
Local de Produção DF
Ficha Técnica
 Produção William Allves Fotografia André Carvalheira Roteiro Marcius Barbieri Direção de Arte Dani Estrella Trilha original Luis Orione (Lula) Som Rodrigo Cobra Cenografia Dani Estrella Figurino Dani Estrella Montagem Marcius Barbieri e Zé Eduardo Belmonte   
 Festival
Festival de Brasília 2005

Natal - Comerciais antigos

"O Natal de Omo é Agora"  do sabão em pó Omo, veiculado em 1976.Interessante ver itens antigos como vitrolas e mini-calculadoras. (You Tube)

Cenas natalinas


Bumbum planetário

No recente concurso promovido pela revista Sexy  para a escolha da Miss Bumbum, a publicação fez ensaios fotográficos com aqueles corpos que tivessem os atributos  "mais perfeitos".  Só que a Sexy abusou do uso do photoshop. Em vez de embelezar ainda mais os bumbuns, a cirurgia gráfica deformou a beleza original das jovens. A revista estará nas bancas a partir da próxima segunda-feira.
Vejam o bumbum desta jovem que depois de manipulado ficou mais parecido com uma cúpula de planetário. E observem também outra maldade que fizeram contra ela: "amputaram" pedaço da coxa esquerda.
a

22 de dez de 2011

Natal - Comerciais antigos

O comercial que estou postando hoje sobre o Natal é um dos mais significativos do ciclo natalino na televisão brasileira: o do Banco Nacional (já extinto), instituição financeira de Minas Gerais de propriedade do político e banqueiro Magalhães Pinto. O filme é um comercial criado pela MPM em 1987, como tantos outros comerciais de fim de ano do anunciante, pautado num belo tema musical, ainda hoje de elevado “recall”, uma harmoniosa canção de boas festas que o compositor Edison Borges de Aguiar (Passarinho) compôs com a ajuda de Lula Vieira nos idos de 1971. Sem dúvida uma das mais belas trilhas nataliicanas da propaganda brasileira em todos os tempos, conforme você poderá conferir. Lula era Diretor de Criação da agência JMM e já conhecia Passarinho (parceiro de Dolores Duran e Alfredo Borba) do estúdio de criação Vip, então propôs ao compositor criar um tema natalino para o Banco. Passarinho tinha uma música pronta que seria gravada pelos “Titulares do Ritmo”, num Lp programado para o final do ano. Lula apreciou a melodia e sugeriu a sua adaptação comercial, alguns retoques e nascia o jingle, logo em seguida trilha de um comercial gravado pela PPP, com Direção de Chico Abreia.
O filme original tinha um coral de crianças improvisado e trilha dirigida pelo maestro Zacarias, mais tarde celebrizado como comediante do programa “Os Trapalhões”. Obteve logo o reconhecimento do mercado publicitário no Prêmio Colunistas de 1972 e a aceitação do público, de modo que o Banco Nacional reeditaria o tema inúmeras vezes em comerciais que os brasileiros aguardavam com expectativa todo final de ano. O filme original de 1971 (que contou na criação também com a participação de Paulo César Costa e Emílio Cerri Neto) a gente fica devendo, por enquanto; o da MPM, o que marcou mais, com o roteiro da criança de bicicleta apressada que chega em tempo de fazer o solo final no coral da igreja.
Fonte: texto de Nelson Varón Cadena - do site Almanaque da Comunicação

O Natal do gatinho desastrado

Ele faz de um tudo para chamar a atenção do seu dono...

Saudade do JB


Recebi,hoje, via e-mail, uma mensagem de Boas Festas da equipe do Jornal do Brasil, um dos jornais de grande tradição. Hoje em dia é uma reles caricatura, via on line,daquele que foi uma da maiores expressões na história do jornalismo brasileiro. Minha leitura preferida do JB acontecia aos domingos, quando fazia fila na banca do Bodinho, na praça do Ferreira, para comprar exemplares do matutino carioca. E pra mim foi uma escola: as crônicas políticas, bem escritas e corajosas do Carlos Castelo Branco; o 2º  Caderno que era um primor em termos de programação visual, o caderno de esportes...enfim, o JB marcou gerações  de brasileiras.
Agradeço à equipe do JB virtual que me enviou o e-mail  atencioso,  mas me fez saltar saudades do antigo jornal de papel que desapareceu da imprensa brasileira.

21 de dez de 2011

Comercial antigo

Por coincidência ou não, no  ano de 1986 em que a Mesbla inovou na comunicação, veiculando campanha natalina na televisão,  era decretada a falência da empresa com dívida de mais de um bilhão de reais. O público acostumado aos comerciais de fim de ano com ofertas e o simbolismo do Papai Noel sempre presente, surpreendeu-se com filmes que mostravam pessoas comuns relatando espontaneamente as suas expectativas  em relação ao Natal, respondendo perguntas feitas nos bastidores pelo repórter Tim Lopes (que seria brutalmente assassinado por traficantes do Rio de Janeiro em 2002). A ideia original da campanha foi do Paulo Novis da Provarejo, house-agency do  magazine, que imaginou entrevistas na rua; ideia aperfeiçoada pela Aba Filmes com Direção de Andres Bukowinski que montou um estúdio volante, num caminhão, e uma equipe de três produtores para identificar populares com expressão interessante,tipificados pela vestimenta.
Ao todo foram gravados 150 depoimentos, a maioria aproveitados em 6 filmes de um minuto cada. Não foi usado nenhum figurino (algo inusitado em se tratando de um magazine de roupas) ou maquiagem e a luz do estúdio volante era controlada através de cortinas improvissadas nas janelas do veiculo, este também com isolamento acústico. Campanha de iniciativa do Departamento de Propaganda do cliente, a Provarejo, criação de Delano Davila, Fred Coutinho e Russo, premiada com o Grand-Prix do Prêmio Profissionmais do Ano da Rede Globo e ainda no Festival Brasileiro de Propaganda da ABP. Na época teve grande repercussão e agregou valor humano à marca. Infelizmente a comunicação da empresa carecia de um rumo estratégico e entre altos e baixos foi definhando e hoje transcorrida quase uma década do fim das atividades o seu “recall” não é nada digno de se mencionar.
Fonte: Nelson Varón Cadena  (almanaquedacomunicacao.com.br/blog)

Gol espetacular...contra

20 de dez de 2011

Natal - Publicidade antiga

Uma raridade: Pelé e Xuxa
Xuxa e Pelé em comercial de natal. Em meados dos anos 80 Pelé apresentava ao Brasil a sua namorada, a gaúcha Maria da Graça Meneghel-Xuxa, apresentadora do Clube da Criança da TV Manchete; fotos do jogador e da modelo, então a segunda mais bem paga do país, foram estampadas em capas da revista semanal Manchete, editora Bloch em duas edições diferentes. A notoriedade do casal chamou a atenção de um anunciante do Rio de Janeiro, a imobiliária Francisco Xavier Imóveis, ainda hoje existente que contratou a dupla para gravar um comercial natalino. O filme do ponto de vista criativo não tem nenhum valor, além de ser mal dirigido. E o roteiro incomoda as mulheres pelo machismo implícito na idéia da mulher-objeto que o jogador encontra embalada numa caixa de presente. Chama à atenção, por outro lado, a concordância da modelo em se vestir de noiva, ela que na época fazia questão de dizer que casamento era algo que não estava nos seus planos. O valor do comercial hoje aqui postado está apenas nos personagens. Uma raridade que o pesquisador José Marques Neto do Rio de Janeiro achou entre as milhares de horas de gravação de programas de TV que possui na sua residência e disponibilizou no YouTube há três meses. Na época o comercial foi exibido apenas no Rio de Janeiro.
(Fonte: almanaquedacomunicação)

Publicidade antiga - Xuxa e o Natal

O anúncio da Varig com a sua estrela de Natal - a Estrela Brasileira e Estrela das América , uma estratégia para divulgar as rotas internacionais da companhia, teve também a participação de Xuxa, em seus tempos áureos.
Vejam uma raro filme da ex-rainha dos baixinhos, dentro de uma igreja nos anos 80 do século passado:

Natal- Publicidade antiga

Padres pedófilos são condenados

Os três padres pedófilos de Arapiraca
A Justiça de Alagoas condenou nesta segunda (19) três padres por prática de pedofilia. Tratam-se de Luiz Marques Barbosa, Raimundo Gomes e Edílson Duarte, que são acusados de abusos contra três coroinhas. O monsenhor Luiz Marques, de 83 anos, foi condenado a 21 anos de prisão e os párocos Raimundo e Edílson cumprirão pena de 16 anos e 4 meses. Os três respondiam processo em liberdade e ainda não foram presos. Seus advogados têm cinco dias para recorrer da decisão junto ao Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL). Segundo o Ministério Público e a Polícia Civil, os religiosos prometiam dinheiro às vítimas em troca de sexo. Informações do site Tudo na Hora.
Confiram parte da CPA da pedofilia em Alagoas:

19 de dez de 2011

Deu no Kibeloco: Capa da “Veja” em 29 de junho de 2011…

É a mídia fabricando seus "monstros sagrados"

DICA - O clássico dos clássicos


O filme Cidadão Kane (1941), dirigido por Orson Welles, ganhou apenas um Oscar, de Melhor Roteiro Original. Mas é considerado pelos críticos de várias gerações como um dos grandes clássicos do cinema. Há pelo menos três razões para a glória: a trama, que mostra criticamente a ascensão do inescrupuloso barão de imprensa Charles Foster Kane (interpretado por Welles); a forma de contar a história, baseada na linguagem fragmentada dos noticiários de jornal e rádio dos anos 1930; e a fotografia em P&B, deslumbrante nas nuances e ângulos inesperados. A edição de 70 anos do filme traz a versão restaurada em Blu-ray, sequências inéditas, entrevistas e livreto ilustrado com storyboard e fotos de cena. Warner, R$69,90.

(Fonte: revista Vej)
a

Corretivo facial

 Este viral foi enviado pela minha filha Bárbara e que apresenta uma campanha publicitária de uma marca de corretivo, maquiagem muito usada pelas mulheres e que tem  como função principal esconder manchas, olheiras, acnes, etc...ela gostou e eu também...

Confiram:
Tirinha do Zé

18 de dez de 2011

Vencedores do Curta Criativo 2011 - Ficção

 Conheça agora os 03 vencedores na categoria ficção do embate de curtas-metragens da FIRJAN! Os vencedores de todas as categorias estão aguardando o seu voto! Olha a responsabilidade, o mais bem cotado leva o Prêmio Aquisição Porta Curtas!
TÁ NA HORA
  
Ficção | De Carol Bradilli, Evandro Manchini  | 2011 | 5 min
O filme retrata as particularidades de uma família em frente a um a webcam e como esse novo elemento se acopla a vida cotidiana das mais diversas gerações.

A Bagunça Eterna 

Chegou a hora de Pedro arrumar seu quarto depois de alguns anos de bagunça acumulada. Ele começa a guardar suas coisas em caixas, porém a bagunça parece nunca (...)
Ficção | De Clarissa Appelt  | 2011 | 5 min
Com Ana Paula Novelino, Higor Castro

15
 
Ficção | De Felipe Bond  | 2011 | 5 min
Com Ivan Mendes, Luiza Pinheiro
 Tem momentos em que a vida nos dá possibilidades genuínas para acontecerem grandes encontros. Cabe a nós decidir o que fazer com eles.Torná-los reais ou apenas (...)