24 de out de 2009

BOMBOU NA WEB
nesta semana

O designer Agan Harahap usou seu talento em programas de edição de imagens e recriou cenas famosas de guerras e revoluções. No meio dos soldados estão super-heróis como Super-Homem, Homem-Aranha e Batman - na foto, Batman acompanha de perto um discurso de Fidel Castro.

O piloto inglês Lewis Hamilton estava dando uma entrevista depois do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, em Interlagos, quando os espectadores das tribunas de honra começaram a jogar comida nele. As imagens deploráveis foram postadas no YouTube e interpretadas como demonstração de racismo.


Na Rússia, uma câmera de controle de tráfego filmou um rapaz quase sendo atropelado. Ele atravessava a rua quando um ônibus desgovernado bateu em um carro e veio em sua direção. Ele escapou por milímetros, como constataram os mais de 2 milhões de internautas que assistiram à cena.

Fonte: Revista Época



Aprendendo inglês - Olimpíada 2016, no Rio de Janeiro.
Surrupiado do Mau

22 de out de 2009


Ricardo, o peregrino

O Ricardo Machado, meu amigo lá do Bar do Bigode. Diga-se: é um camarada cheio de invenções. Despido de sua toga de promotor de justiça, é um cidadão que leva a vida, palmilhando com arrumações entre os amigos de mesa de bar. “Promoter” de shows, coordenador de maratonas, criador da confraria dos frequentadores do Bar do Bigode, na Cidade 2.000... o homem não para de inventar.
Domingo passado, chegou com a notícia que ia viajar para o noroeste da Espanha (Galícia) e fazer peregrinação, a caminho de Santiago de Compustela.
E, o danado foi. E já mandou-me e-mail e foto de lá.
Vejam as primeiras notícias do peregrino:
“Hoje saímos de Sarria às 08:25 h sob chuva fina, ainda escuro. O sol botou o olho de fora, no meio do caminho, às 11:40 h. Percorremos 22 km. É mole? Sim, se fosse no calçadão da Beira Mar. Serra acima, serra abaixo, íngremes, extenuante. Chegamos em Portomarím às 16:00 h, só os cacos. Imersão em água quente, Tandrilax e pomada para dor muscular: já melhorou. Prosseguiremos amanhã. Gente de todo o mundo. Muitas trilhas e pedras no caminho. Passamos sobre linha de trem, sob e sobre pontes. Vacas, galinheiros, florestas, despenhadeiros, corvos azarentos (Bigode), muitos cachorros, tratores, milharais, celeiros, macieiras e franboesas carregadas. As casas da zona rural equiparam-se às boas casas da Aldeota. Há muito respeito com os peregrinos. Valeu. Saudades”.

É tempo de caju
Gosto de ir ao Centro da cidade, caminhar pelas ruas, onde vendem de um tudo. Miscelânia de perfumes, quinquilharias, flores, verduras, CD’s, DVD’s...tudo a céu aberto. Fiquei com água na boca, ao ver ruas multicoloridas com a venda de caju. Reparem na criatividade do vendedor: o tabuleiro colocado sobre o carrinho de mão, o que permite, certamente, descolamentos para outros pontos, sem ser preciso rearrumar a mercadoria.
E, como agora, ando sempre com a minha digital, fiz o flagrante.

21 de out de 2009

Os políticos me irritam.
Imaginam que somos bobos”.
Adivinhem caros internautas de quem é desabafo? É dela, da diva da música popular brasileira, uma artista que eu seu entorno tem todo um folclore, uma profusão de lendas, até de feiticeira: a mística Maria Bethânia. Ela é matéria de capa da revista Bravo! E fala de religião, sereias, música...e política.

Saudade do Bar Avião

A saudade bate, assim, em qualquer lugar, mesmo no estresse do dia-a-dia. Hoje, de tardezinha, perto da boca da noite, em meio a esse trânsito infernal de Fortaleza, senti uma pontinha de saudade e até uma certa decepção.
Eu estava, lá na Parangaba, passando por perto do antigo Bar Avião e triscou um pouco de saudade. Na minha memória, o Bar Avião, lá nas antigas, era o portal de entrada para antigo aeroporto Pinto Martins Martins. Era uma passagem obrigatória, para quem ia viajar de avião, e também para quem ia levar o viajor. Era uma festa para a família e amigos, a despedida ou a chegada daqueles transportados por aeronaves.
E o bar (tinha na sua cobertura uma réplica de avião feita em cimento). Era uma referência no trajeto, à época, um momento especial: viajar de avião. E ao seu lado, passava a linha férrea.
Hoje, como disse, passei por lá. A minha saudade estava retalhada. Uma tristeza. O avião continua lá, mesmo alquebrado. Agora, no lugar do bar, funciona uma borracharia. Em vez da linha férrea, um viaduto, por onde vai passar o metrô. A Fortaleza mudou, as lembranças não.

20 de out de 2009


MINHAS MEMÓRIAS
(algumas recentes)

Dr. Miguel Nicolelis

Nessa minha vidinha de repórter já entrevistei muitas pessoas dos mais variados matizes. Já anotei histórias sobre tragédias, sucessos, quimeras... ouvi vencedores e vencidos. A emoção conjugou muitos relatos. Todos registrados pelas máquinas rotativas dos jornais e revistas. Alguns, além de eternizados pelo papel, ficaram em mim, guardados pela escrita da memória.
Lendo, nesta semana, a matéria de capa da revista Veja, O Cérebro do Gênio, com do o neurocientista paulista Miguel Nicolelis, meu pensamento voou para a entrevista que fiz com o mesmo para a Singular, edição de dezembro de 2008.
Miguel Nicolelis é considerado como um dos vinte maiores cientistas do mundo, em atividade e citado como um dos mais fortes candidatos ao Prêmio Nobel, em sua especialidade. Fiz a referida entrevista, pouco tempo depois dele apresentar um experimento científico que ecoou nos quatro cantos do mundo, na comunidade científica: a partir de um laboratório, na Califórnia-EUA, a macaca Aurora fez um robô andar, no Japão, apenas com a força do pensamento.
A descoberto de Nicolelis e sua equipe é o primeiro passo para fazer uma pessoa tetraplégica voltar a andar. Ele é o principal desenvolvedor da Neuroprótese – uma espécie de interface, cérebro-máquina, que liga os neurônios aos nervos, sem precisar passar pela medula.
Sabem minhas caras e caros internautas, o que mais me impressionou, na entrevista, foi a humildade, o desprendimento, o ouvir e responder, pacientemente minhas perguntas feitas, via telefone. Deu trabalho danado conseguir falar com o homem (passei mais de quatro meses tentando o contato) porque ele só vive viajando pelo mundo. Finalmente consegui, num sábado à tarde. E ele foi muito gentil.
Figuraço, o Dr. Nicolelis. E deu uma bela entrevista.
Voltando à matéria da Veja: além da revista citar informações que dei há quase um ano ( pesquisa com a macaca, a proximidade dele ser o primeiro brasileiro a ganhar o Nobel) acrescenta uma informação nova às suas recentes pesquisas: o Dr. Nicolelis ”tem certeza que um dia, com a naturalidade de alguém que pluga um pen drive em um computador, e copia um arquivo ou programa, será possível digitalizar todas as instruções cerebrais do ser humano e gravá-las em um cérebro artificial".
sabe gente: fiquei com uma pontinha de vaidade em ter feito a entrevista com o Dr. Nicolelis , no passado, quando a grande mídia nacional não dava a menor bola para as suas pesquisas e fiz a segunte pergunta, dentro da entrevista:
Quando o senhor apresentou o projeto da macaca Aurora, na Suiça, a maior revista de Ciência do Mundo (a Scientific American) deu matéria de capa e editorial; Por aqui, a imprensa ignorou. Por que um fato de tamanha relevância científica passou batido?
E ele respondeu:
"Porque imprensa dos grandes centros urbanos brasileiros perdeu a capacidade de sonhar e de emocionar".

19 de out de 2009



Te cuida Ceará
Às vezes, Lula tem o pé-frio

Muito próximo para subir para a elite do futebol brasileiro, o Ceará Sporting Clube conta agora, também, com apoio, pelo menos simbólico do presidente Lula, que desejou boa sorte ao “Vozão”. Uma camisa do time foi entregue ao presidente pelo deputado estadual Dedé Teixeira (PT), quando de sua passagem, recente, por Mauriti, região do Cariri.

Gente, por via das dúvidas, é bom botar as barbas de molho, pois a “força” de Lula, às vezes, causa efeito inverso.

Vejam alguns exemplos:

1. Campeão, o tenista Gustavo Kuerten presenteou-o com uma raquete e nunca mais foi o mesmo.


2. O boxeador Popó jamais venceu uma luta importante após presentear o petista com seu par de luvas.


3. O mega-star Lenny Kravitz até sumiu do show-business após presentear o petista com sua guitarra famosa.


4. O presidente do Botafogo, Bebeto de Freitas, foi ao Palácio do Planalto levar uma camisa do time, às vésperas da decisão da Copa do Brasil, em 2007, e na final aconteceu o que parecia impossível: perdeu o título para o Figueirense, em pleno Maracanã, com dois gols roubados pela bandeirinha.


5. O Corinthians caiu para a segundona, logo depois do petista ser homenageado pela diretoria do clube com uma camisa 10 e seu nome grafado.

6. Antes de partir para a última Copa do Mundo, Roberto Carlos foi o único jogador a visitar Lula, levando para ele uma camisa da Seleção autografada pelos craques. O lateral-esquerdo ajeitava o meião quando Thierry Henry, nas suas costas, fez o gol francês que tirou o Brasil da final.


7. Após uma campanha espetacular na Copa Libertadores da América, o time do Fluminense recebeu a visita de Lula, antes da final com a LDU. O petista até posou para fotos exibindo a camisa do time. No jogo, em pleno Maracanã, o Flu perdeu três pênaltis e o título.


8. Há algumas semanas, a antes imbatível seleção masculina de vôlei esteve com o petista. Perdeu os dois jogos seguintes diante da torcida brasileira, e o título da Liga Mundial.


9. Lula, a caminho de Pequim, levando a sua ‘bênção’ para o maior favorito brasileiro nos Jogos Olímpicos, Diego Hypólito. Deu no que deu, o rapaz, numa prova caiu de quatro e foi declassificado.

Fonte: KelRibeiro.com



A imaginação de internauta não tem limite. Um deles resolveu fazer um protesto bem-humorado contra os tradicionais anúncios que promovem o alistamento militar.

18 de out de 2009


Cenas da tragédia em 360°


O fotógrafo Ayrton Camargo, especialista em fotos de 360º, contou hoje em seu blog sua saga para conseguir imagens exclusivas do helicóptero da polícia abatido por traficantes no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Ayrton postou uma imagem impressionante do que ele afirma ser um dos oito ônibus queimados na cidade hoje, em decorrência dos conflitos. A câmera especial, muito utilizada para captar belas imagens de cidades, foi usada para documentar de forma inédita a tragédia carioca. Para navegar pela imagem, clique aqui.
Fonte: bombounaweb

Um dos grandes problemas que atormentam a conservação da igreja da Sé, aqui em Fortaleza, é a invasão todos os dias de grande quantidade de pombos que infestam as dependências daquela casa de rezas. Os pombos quebram instalações elétricas, sujam dependências e provocam muitos estragos.E, mesmo fazendo limpezas constates, a imundície não acaba.

Lá vai uma dica.

Para reduzir a superlotação de pombos, na Capital goaiana, a Câmara Municipal aprovou um projeto que prevê distribuir anticoncepcionais às aves. O medicamento, importado dos Estados Unidos, seria espalhado em pontos estratégicos. Autoridades em saúde ambiental temem que a medida possa afetar outras aves.